Contabilidade para médicos

Por onde começar? Médicos e profissionais da saúde.

Contabilidade para médicos

Atualmente os médicos e profissionais da saúde que se preocupa com seus atendimentos e entrega-os com excelência, não consegue dar conta com tantas obrigações burocráticas que uma empresa na área da saúde necessita.

Afinal, a cada dia que passa surgem novas exigências a serem atendidas, sendo uma empresa com vários profissionais da saúde ou um consultório com apenas um profissional, a atenção a esse ponto é a mesma.

São tantas os caminhos a serem seguidos que resolvemos fazer esse artigo para trazer uma ordem cronológica e facilitar o entendimento para que estão buscando se familiarizar com essa área contábil-financeira.

Abertura da empresa

Em primeiro momento, o médico ou profissional da saúde deve focar na abertura da empresa, nesse momento serão definidas as estratégias a serem tomadas a seguir, como o regime tributário, a natureza jurídica, o porte da empresa, a forma de contratação, o local, as licenças, etc. Observando sempre os aspectos societários que fazer muita diferença em um bom planejamento tributário.

Gestão contábil

Todos os movimentos financeiro, fiscais e trabalhistas da clínica ou consultório passa pelo setor contábil e necessita da correta contabilização. Por isso é muito importante que mesmo que seja uma empresa individual ou um autônomo essas informações sejam contabilizadas da forma mais correta possível, seguindo as técnicas e legislações existentes para a área da saúde.

Gestão fiscal

A gestão fiscal para médicos e profissionais da saúde e começa antes mesmo do CNPJ nascer, ao escolher o regime tributários e as formas de tributação, estamos gerindo fiscalmente a empresa médica. Porém o que vem depois é tão importante quanto o que vem antes. Deve-se atentar para as mudanças frequentes para sempre ter a certeza de que estamos aproveitando a melhor política fiscal possível e com resultado diminuindo a carga tributária da empresa médica sempre com base na legislação existente.

Departamento pessoal

O departamento pessoal das clínicas ou de médicos autônomoas é a base de tudo e precisa ser administrado com muita atenção, afinal o capital humano envolve interação com pessoas e tudo o que envolve pessoas merece cuidado. Estar baseado em normas e na correta aplicação da legislação é essencial, evitando assim problemas futuros como ações trabalhistas e até criminais.

Imposto de Renda

A declaração do imposto de renda é o momento que os médicos e toda a população faz o acerto de contas com o fisco, é o momento em que todas as dúvidas aparecem e deixam os profissionais da saúde de cabelo em pé. Contar com a ajuda de um contador nesse momento é fundamental para ter sucesso no deferimento de sua declaração de imposto de renda. O profissional contábil poderá informar tudo o que se pode aproveitar de créditos para garantir o melhor benefício fiscal disponível. O objetivo é recolher o mínimo de imposto possível com a previsão legal disponível e evitar gargalos financeiros para os médicos, clínicas, etc.

Formas de tributação

Quando se fala em tributação, o desconforto é aparente em toda a população até mesmo àqueles que entendem do assunto.
Com médicos e profissionais da saúde acontece a mesma aversão e naturalmente se busca por um profissional que domine o assunto. Esse profissional é o contador.
O contador especializado em tributação é o profissional mais indicado para ajuda-lo a entender qual melhor caminho percorrer quando se falar em carga tributária. Escolhendo a melhor opção de regime e de tipo de atuação, o profissional da saúde pode partir de uma carga tributária de 27,5% para 16,33%, uma economia efetiva de 11,17%. Isso falando em tributos, ainda há de se estudar a forma de contribuição previdenciária que pode variar muito de acordo com o que é definido na estratégia tributária definida e executada.



Converse agora
1
Precisa de Ajuda?
Olá
Podemos Ajudar?
Powered by