Regularização dos profissionais parceiros – Lei salão parceiro

Como Regularizar os profissionais parceiros do meu salão?

 


 

Para a regularização dos profissionais parceiros conforme a lei salão parceiro é preciso seguir alguns passos importantes, então trouxemos todas as informações que você precisa para fazer isso de forma prática e objetiva.

No vídeo anterior eu falei sobre os primeiros passos para aplicar a lei, hoje vim trazer para vocês, os aspectos importante de observar na hora de contratar seus profissionais parceiros. Antes de mais nada, tenha em mente que: Você só poderá firmar o contrato de parceria com um profissional regularizado, ou seja, que tenha sua empresa regular perante as autoridades fazendárias, é necessário que o mesmo tenha o cadastro nacional de pessoa jurídica, bem como o cadastro municipal ativo só assim, a regularização dos profissionais parceiros estará completa.

Diante disso, aconselho você que esta regularizando seu negócio na área, procurar uma assessoria especializada no setor, isso vai facilitar esse processo para de regularização dos profissionais parceiros.

Voltando ao ponto principal desse vídeo que é o profissional, eu quero lhe explicar que o profissional parceiro deverá constituir uma empresa individual e a mesma poderá ser enquadrada nos regimes tributários SIMEI ou SIMPLES nacional, dependo de cada caso que deve ser analisado de forma individualizada.

Após a regularização dos profissionais parceiros como pessoa jurídica, esse profissional passará a recolher tributos e contribuições previdenciárias, e vale lembrar que a lei traz essa responsabilidade para o salão, ou seja, o salão parceiro é o centralizador dos recebimentos das receitas, bem como os pagamentos dos tributos tanto do profissional quanto do salão.

É interessante destacar que depois de regularizados, os profissionais parceiros começam a usufruir dos benefícios do INSS, e eles ainda tem a chance de obter créditos mais facilitados para investir em sua carreira como qualquer empresário no mercado. Saindo da informalidade que a vida autônoma, com recebimentos de comissões não declaradas lhe aprisiona.

Aqui na atualize nós temos alguns clientes que começaram como profissionais parceiros, recebendo comissões, muitas vezes como auxiliares, se regularizaram, investiram em conhecimento, cursos fora do pais, depois passaram
para líderes de bancadas, entenderam sobre gestão financeira, abriram studios e hoje tem um centro de beleza gerando novas oportunidades para outros profissionais da área.

Então, eu consigo enxergar uma evolução no mercado, por meio de vários cases que nós acompanhamos a formalização desde o inicio, bem como ajudamos nessa parte financeira que ainda é muito inexplorada.
Eu acredito que a formalização do setor tem que começar desde o menor profissional.
Como? com informação financeira e tributária de forma facilitada para esses experts que fazem o setor crescer a cada dia.

Então é isso pessoal, o recado que eu quero deixar nesse video é: a regularização dos profissionais é tão importante
quanto a regularização dos centros de belezas.

Agora, se vc ficou com dúvidas, deixa seu comentário ou manda um e-mail para a gente e não compartilhar esse conteúdo com seus amigos da área da beleza.

Deixe um comentário

avatar
  Subscribe  
Notify of
Converse agora
1
Precisa de Ajuda?
Quer mais informações sobre a regularização dos profissionais parceiros? Nos mande uma mensagem que iremos lhe ajudar!